Emagrecimento rápido – Tudo o que você precisa saber






Por que o emagrecimento rápido é tão importante nos dias de hoje? Confira algumas dicas, prós e contras do emagrecimento rápido e se ele pode ser adequado para você.

Não é novidade nenhuma que hoje em dia as pessoas busquem formas mais rápidas para emagrecer. Isso porque, para muitos, as gordurinhas localizadas são realmente um desconforto, um problema que precisa ser eliminado de uma vez.

E o emagrecimento rápido para algumas pessoas é a solução!

Por isso, a ideia de adotar uma dieta para emagrecer de forma rápida se torna uma solução estética eficiente alguns.

emagrecimento rápido

Muitos se perguntam como perder peso rapidamente e evitar aquelas duradouras dietas que não oferecem resultado.

Diversas pessoas também buscam dicas para emagrecer, como perder peso, como emagrecer rápido e evitar dietas prolongadas, etc.

E existem de fato várias dicas sobre dietas para perder peso rápido. Emagrecer em uma semana, dietas com comidas para emagrecer com restrição calórica para a perda de peso são algumas delas.

É sempre bom lembrar que se o paciente tem como meta o emagrecimento rápido, é necessário que seja feita toda uma avaliação de sua condição física, e se existe de fato uma necessidade de emagrecer com urgência para determinado paciente.

Por exemplo:

– O paciente apenas retêm gorduras localizadas e está dentro IMC normal;

– O paciente está com sobrepeso e se aproximando do nível de obesidade;

– O paciente está na condição de obesidade apresentando problemas de saúde que precisam ser erradicados junto à perda de peso.

Uma dieta eficiente deve estar de acordo com a condição do paciente

Portanto, existe uma diferença entre os pacientes que apenas retêm gordurinhas localizadas e conseguem perdê-las de forma realmente mais rápida, para os pacientes na condição de sobrepeso, ou pacientes obesos.

Como já mencionado, na condição de obesidade, o paciente também apresenta sérios problemas de saúde, como hipertensão, diabetes, doenças cardiovasculares devido ao seu colesterol estar em nível alarmante, além de estar propício a AVC, e outras condições

[the_ad id=”1326″]

Neste caso, o risco de saúde do paciente exige uma dieta para emagrecer de forma rápida a fim de evitar esses problemas. Portanto, na condição de obesidade, é obrigatório que o paciente tenha um acompanhamento médico para iniciar determinada dieta. Dependendo da situação, até mesmo uma solução mais rápida — como uma cirurgia — pode ser considerada.

Em condições menos alarmantes, mas que também exigem certos cuidados, como sobrepeso ou apenas gordurinhas localizadas, é importante também que os pacientes façam um acompanhamento médico para chegar ao peso ideal.

Porém, o que ocorre é que muitos negligenciam a ajuda de um profissional. E aí que nasce o grande problema.

A fim de evitar regimes prolongados – 5 ou 6 meses de dieta – que nem sempre oferecem o resultado desejado, a maioria das pessoas faz escolha pelas famosas dietas rápidas para emagrecer, muitas vezes sem orientação médica e sem conhecimento para realizar determinada dieta.

[the_ad id=”1232″]

Afinal de contas, emagrecer rápido e voltar a ter um corpo definido se torna uma grande tentação.

Entretanto, ao mesmo tempo que existem muitos estímulos e benefícios estéticos para o emagrecimento rápido, como a conquista imediata do corpo desejado, autoestima elevada, roupas que poderão se ajustar mais facilmente ao corpo definido, evitar constrangimentos das gordurinhas localizadas, existem também os contras que o emagrecimento rápido pode trazer para o corpo, muitos deles relacionados à saúde.

Veja os riscos de emagrecer rápido demais:

Desnutrição:

Muitas vezes, pacientes buscam dietas miraculosas e jejuns prolongados para emagrecer rápido, e com isso, vem a desnutrição. Isso porque a carência de um regime equilibrado, pobre em nutrientes essenciais para o corpo, como vitaminas, proteínas e minerais necessários, pode causar

Problemas de saúde

Como a maioria das dietas para emagrecimento rápido são restritivas a baixos valores calóricos e nutricionais, é normal que o corpo fique fraco e sem energia, o que pode acarretar em desmaios, mal-estar, além de problemas de saúde, desnutrição, anemias, baixa imunidade e perda de potássio e cálcio no sangue.

Efeito sanfona:

Assim como o peso rapidamente vai, ele rapidamente volta. O emagrecimento rápido é o mais comum para acontecer o tão temido efeito sanfona.

Fome em excesso:

Por causa da restrição calórica e falta de energia, o corpo vai pedir comida, e geralmente uma pessoa que restringiu a alimentação em função de sua dieta e seu objetivo de emagrecimento rápido acaba criando uma certa compulsão alimentar e comendo mais do que devia. Resultado, a dieta se torna ineficiente.

Flacidez na pele

Um grande malefício estético. Com o emagrecimento rápido, a pele não é capaz de ‘acompanhar’ a redução rápida de peso. E o resultado disso é a flacidez da pele.  Isso também ocorre devido à falta de nutrientes que torna as fibras do colágeno e elastina bastante desnutridas. O que acaba impedindo a firmeza da pele.

emagrecimento rápido

Agora que você já sabe como um dieta para perder peso de forma rápida pode trazer alguns malefícios para a estética e saúde, o recomendável é que você passe por um nutricionista para todas avaliações e esclarecimentos de suas dúvidas. Afinal de contas, uma dieta para emagrecer deve ser saudável e trazer benefícios para você.